Consultoria em transformação digital: por que investir?

7 minutos para ler

As empresas que desejam se destacar no mercado devem implantar novos modelos de negócios influenciados pela tecnologia. Mas antes de realizarem qualquer mudança, é aconselhável buscar uma consultoria em transformação digital, tendo em vista que isso já se tornou uma necessidade para estar presente no futuro e não é nada simples.

É preciso seguir passos fundamentais, conhecer as ferramentas disponíveis, suas vantagens para otimizar e automatizar os processos no dia a dia. Vamos saber como funciona e por que fazer esse investimento? Quem vai explicar é o Michele Liguoro, sales director da Engineering do Brasil. Boa leitura!

Quais são os perigos de uma empresa não aderir à transformação digital? 

A transformação digital é uma necessidade para qualquer indústria e segmento, pois ela possibilita o acesso a uma quantidade ilimitada de clientes, sem elevar exponencialmente os custos operacionais (OPEX). Além do acesso a esses potenciais consumidores, os serviços e produtos também podem ser ofertados de forma ágil e personalizada às exigências deles. 

Quais são os riscos evitados quando existe o auxílio de uma consultoria em transformação digital? 

Na verdade, a transformação digital amplia as possibilidades de negócio, mas, em simultâneo, esconde inúmeras armadilhas. Logo, é preciso saber as prioridades e colocar em fases os projetos de transformação. Esses dois itens são importantes estratégias, e nada melhor que um Plano Diretor de Digitalização (PDD) para definir as diferentes frentes a serem tratadas.  

Nesse quesito, há um planejamento de trabalho e de custos previamente estimado pela consultoria. Assim, propicia o controle e facilita a visão de negócio que a transformação digital vai potencializar. 

Quais são os desafios da transformação digital? 

O primeiro e mais difícil desafio é entender que um plano de transformação digital é imprescindível para a sobrevivência da companhia. Muitos já chegaram nessa conscientização, porém, ainda tem muito para aprender e fazer. Além disso, existem outras dificuldades, como viabilizar a mudança de cultura na empresa; a adoção de novas tecnologia e metodologias; e um plano de transformação saudável, sem afetar o business as usual (negócios funcionando normalmente). 

Qual é o passo a passo de um projeto de transformação digital? 

Não há uma receita de bolo para a transformação digital. Antes de tudo, ela deve estar alicerçada na experiência do cliente, agilidade operacional, cultura organizacional, capacitação da força de trabalho e integração da tecnologia virtual.

No entanto, tudo começa com um PDD para que seja possível definir um passo a passo efetivo. Se ele não for possível, é indicado verificar o plano estratégico da organização para estabelecer aceleradores baseados nos pilares da mudança que, geralmente, são: 

  • 1ª etapa — construção de um modelo operacional em que se desenha a instituição com organograma, maneiras de trabalhar, ritos e fóruns, governança, plano de carreira, incentivos, métricas e orçamentação etc.; 
  • 2ª etapa — definição de uma proposta de valor que cria um processo de desenvolvimento de produtos potente, porém simples e focado no cliente; 
  • 3ª etapa — desenvolvimento da plataforma tecnológica para traçar princípios de arquitetura de sistemas inovadores, robustos, tecnológicos e as boas práticas exigentes no seu de mercado; 
  • 4ª etapa (bônus) — coach cultural, ou seja, mudança da mentalidade dos líderes para que suas decisões sejam baseadas em dados e a adoção de novas práticas de gestão. 

Como a consultoria ajuda na adequação à LGPD e por que isso é importante? 

A princípio, a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) é algo que precisa ser enfrentado por todas as organizações, sejam elas de tecnologia de informação ou não. Desse modo, a consultoria pode evidenciar — com processos de assessment e ferramentas apropriadas de privacy management — pontos fracos e planos de contenção de riscos. 

Como esse auxílio reduz custos? 

Se a pergunta se refere à LGPD, o fato de ter uma política de segurança de dados consistente permitirá evitar multas elevadas por parte da justiça. Por outro lado, referente à transformação digital, ela reduzirá, em alguns casos de forma considerável, os custos atrelados as operações (OPEX), pois usa lógicas escaláveis e dinâmicas de acesso aos clientes.

Ao obter um sistema de gestão, os dados financeiros são precisos, o que garante um planejamento melhor para investimentos e até mesmo cortes de supérfluos. Sobretudo com a automatização dos processos, eliminam-se as burocracias, otimizando o tempo e diminuindo os custos de produção. Consequentemente, os colaboradores têm mais tempo para se dedicarem a áreas estratégicas do negócio que aumentem a produtividade empresarial, gerando valor para a empresa.

De que forma a transformação digital propicia um aumento no faturamento? 

Certamente, esse aumento ocorre ao permitir acesso a um número maior de consumidores, sem precisar ampliar os custos para deixar isso possível. Aliás, ela abre a possibilidade de novos modelos de negócio, impensáveis há décadas sem a introdução de inovações em processos, ferramentas e produtos. 

Por exemplo, hoje é possível investir em marketing digital, de conteúdo, e-mail marketing e redes sociais para se chegar ao cliente ideal para sua empresa. Logo, traz oportunidades de novos negócios e de melhorar o faturamento.

Por que essa prática consegue expandir o reconhecimento e engajamento em relação à empresa? 

Algumas das vertentes da transformação digital estão relacionadas a práticas de customer experience, user experience ou user-centric design. Dessa forma, com essa aproximação sempre maior ao usuário final, as empresas podem entender o que os próprios clientes querem de verdade e se adaptarem a eles de maneira efetiva.

Quais são os diferenciais da Engineering do Brasil quando o assunto é transformação digital? 

A Engineering do Brasil faz da transformação digital o seu life motif. Por isso, tem cases de relevância nacional e muita experiência a ser compartilhada com todos os seus clientes. Inclusive, oferece um time de profissionais treinados em todas as verticais do serviço. Certamente, é uma escolha justa para quem quer dar um up no próprio negócio, sem ter de revolucionar as finanças do negócio. 

Enfim, o futuro corporativo já está vivendo no ambiente e nas estratégias digitais. Portanto, todas as empresas devem repensar o seu modelo de negócio e investir em tecnologia. Ao mesmo tempo, busque uma consultoria em transformação digital para conseguir proporcionar o máximo de experiência aos seus clientes. 

Sendo assim, entre em contato com a Engineering. Com certeza, obterá o caminho para a transformação digital na sua organização.

Compartilhe !

Posts relacionados

Deixe um comentário